sexta-feira, 17 de junho de 2011

The Man With The Blue Guitar

                                                                                                     Gabriela Villarreal


The Man With The Blue Guitar, by Wallace Stevens

II.

I cannot bring a world quite round,
Although I patch it as I can.

I sing a hero's head, large eye
And bearded bronze, but not a man,

Although I patch him as I can
And reach through him almost to man.

If to serenade almost to man
Is to miss, by that, things as they are,

Say it is the serenade
Of a man that plays a blue guitar.


II.

Eu não posso criar um mundo perfeito,
Ainda que o improvise como posso.

Eu canto a cabeça de um herói, largo olho
E barba em bronze, mas não um homem,

Ainda que o improvise como posso
E ao homem através dele quase chegue.

Se quase o homem tanger
É, por isso, perder as coisas como elas são,

Diga-se que é a serenata
De um homem que toca a guitarra azul.


Tradução de Luís Quintais

Sem comentários:

Enviar um comentário